• Kamila Fortunato

ESTILOTERAPIA: Porque ela existe, porque estou trabalhando nisso e qual a minha crença

Atualizado: 10 de mar. de 2021

Somos diariamente imersas em muitas imagens e informação. Moda e roupas são conteúdo constantes em praticamente todos os veículos de comunicação. Nesta avalanche de coisas, fica fácil nos perdermos dentro de nosso próprio estilo e usar, comprar e se sentir mal usando roupas que não se adequem ao nosso estilo.


Quando eu desenhei a minha carreira eu sabia que queria trabalhar os códigos pessoais das minhas clientes, de dentro para fora. Com o meu propósito de ajuda-la a amar as próprias roupas e se sentir bem com as escolhas que fizer, desenvolvi o meu trabalho com técnicas para encontrar o seu estilo individual e que expresse a sua essência.


As roupas comunicam. Elas são uma extensão de nossos corpos, e isso não pode ser menosprezado. A nossa imagem é parte de como nos comunicamos para o mundo, e com a ESTILOTERAPIA quero que você se comunique sempre na sua melhor versão.

Acredito plenamente que a beleza está nos olhos de quem vê, começando por nós mesmas. Nós somos o nossa primeira expectadora.


E as roupas tem um papel importante nisso. Elas podem aumentar a confiança, a auto-estima e até mesmo impactar em nosso humor.


O meu compromisso é usar as roupas como ferramenta para expressão do estilo individual, de maneira personalizada e que funcione para a vida da minha cliente.


Tudo funciona melhor e mais feliz quando estamos bem com nós mesmas.

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo